Siga-nos no Twitter   Siga-nos no Facebook   Siga-nos no Instagram

A 6ª edição do Prêmio Talento Engenharia Estrutural divulgou no dia 22 de outubro de 2008, em festa realizada no Leopolldo Itaim, em São Paulo (SP), oito engenheiros estruturais que desenvolveram projetos em diversas regiões do país.

A premiação, promovida pela ABECE e pela Gerdau, contou com 182 inscritos Os trabalhos foram julgados por uma equipe de profissionais formada por membros das duas instituições que verificaram se cada obra atendia aos itens estabelecidos no regulamento do prêmio, entre eles uso apropriado de materiais, economia de produtos durante a construção, originalidade e criatividade de layout e adequação harmônica ao ambiente no qual o projeto está inserido.

Cada uma das quatro categorias (Edificações, Obras Especiais, Infra-Estrutura e Obras de Pequeno Porte) contou com um vencedor e uma menção honrosa. Os primeiros colocados ganharam troféu e certificado, além de passagens, mais estadia, para participação na feira World of Concrete, a ser realizada em Las Vegas (EUA), em fevereiro de 2009. Os profissionais responsáveis pelos projetos com menção honrosa receberam placa alusiva ao evento, além de certificado.

O prêmio na Categoria Infra-Estrutura foi para o eng. Catão Francisco Ribeiro, com a Ponte Estaiada Octávio Frias de Oliveira. O projeto é a mais recente obra pública realizada em São Paulo (SP) e é a maior ponte estaiada em curva do mundo. Inaugurada há cerca de cinco meses, a obra tem 138 m de altura e utilizou aproximadamente 500 t de aço. A ponte, que liga a Marginal Pinheiros à Avenida Roberto Marinho, tem capacidade para 8 mil carros por hora e tornou-se o novo cartão-postal da cidade. Durante a noite, as linhas futuristas da obra são realçadas com luzes coloridas, que podem variar em função de datas comemorativas. Esta mesma técnica é utilizada no Empire State Building, de Nova York.

O vencedor na Categoria Edificações foi o eng. Mário Franco, responsável pelo Projeto Rochaverá - Torres A e B, em São Paulo (SP). A categoria leva em conta as estruturas verticais e horizontais. O Projeto Rochaverá compreende torres de edifícios comerciais ao redor de uma praça central localizados próximo aos Shoppings Morumbi e Market Place e à Estação Morumbi da CPTM. Os edifícios têm formato inusitado, com uma de suas faces inclinada sobre a praça.

Na Categoria Obras Especiais, o vencedor foi o eng. Mário Terra Cunha, com a Estação Ciência, Cultura e Arte, em João Pessoa (PB). A obra ainda está em andamento, mas sua estrutura já foi finalizada. O projeto ocupará um espaço de mais de cinco mil metros quadrados no núcleo central da Zona Especial de Preservação (Parque do Cabo Branco) e não provocará interferências no ambiente. A Estação será composta de cinco edifícios destinados à difusão cultural e realização de pesquisas na área de meio ambiente. A obra proporcionará uma visão panorâmica das belezas do entorno.

Já na Categoria Obras de Pequeno Porte, o primeiro prêmio foi para o eng. Márcio José de Rezende Gonçalves, com o projeto Condomínio Riviera Residences, em Nova Lima (MG). O condomínio de casas com terrenos que variam de 1.000 a 5.000 m² está localizado no alto de uma montanha, às margens da BR-040, e prevê o acesso direto à cidade, sem sinais de trânsito.

A premiação reconheceu também outros profissionais que desenvolveram projetos de destaque em cada uma das categorias com menção honrosa. Em Edificações, foi escolhido o eng. George Magalhães Maranhão, com a obra Edifício Residencial Estrela do Atlântico, localizada em Natal (RN). Em Obras Especiais, o eng.Altair Baggio recebeu menção honrosa pelo Ginásio Poliesportivo AECIM Tocantins, em Cuiabá (MT). Na Categoria Obras de Pequeno Porte, o homenageado foi o eng. Gil Chinellato, com o Auditório Alcina Dantas Feijão, obra realizada em São Caetano do Sul (SP). E a menção honrosa na Categoria Infra-Estrutura foi para a eng. Mônica de Moraes Seixas, com o Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro (RJ).

Conheça os vencedores do Prêmio

Categoria Edificações

Vencedor: Mario Franco
Empresa: Escritório Técnico Julio Kassoy e Mario Franco Engenheiros Civis
Obra: Projeto Rochaverá – Torres A e B (São Paulo - SP)



Eng. Suely B. Bueno, representando o eng. Mario Franco, recebe prêmio de Claudio Gerdau Johannpeter (Diretor de Operações da Gerdau), à esq., e Paulo Kiss (Editor e membro do conselho administrativo da Revista Téchne)





Menção Honrosa: George Magalhães Maranhão

Empresa: George Maranhão Engenharia e Consultoria Estrutural
Obra: Edifício Residencial Estrela do Atlântico (Natal - RN)



Eng. George Magalhães Maranhão (à dir.) recebe placa e certificado alusivos ao Prêmio das mãos de Alfredo Huallem (vice-presidente executivo de Aços Longos Brasil – Gerdau)





Categoria Infra-Estrutura

Vencedor: Catão Francisco Ribeiro
Empresa: Enescil Engenharia e Projetos
Obra: Ponte Estaiada Octávio Frias de Oliveira (São Paulo - SP)



Eng. Catão Francisco Ribeiro, entre Renato Bernades (Diretor de Marketing de Construção Civil – Gerdau), à esq., e José Roberto Braguim (Presidente da ABECE)


Menção Honrosa: Mônica de Moraes Seixas
Empresa: Figueiredo Ferraz Consultoria e Engenharia de Projetos
Obra: Aeroporto Santos Dumont (Rio de Janeiro - RJ)



Eng. Monica de Moraes Seixas recebe placa e certifica alusivos ao Prêmio das mãos de Ricardo Giuseppe Mascheroni (Diretor Executivo Comercial – Gerdau)




Categoria Obras Especiais

Vencedor: Mário Terra Cunha
Empresa: Avantec Engenharia
Obra: Estação Ciência, Cultura e Arte (João Pessoa – PB)



Eng. Mario Terra Cunha (à esq.) recebe Prêmio das mãos de Claudio Gerdau Johanpetter (Diretor-geral de Operações – Gerdau)


Menção honrosa: Altair Baggio
Empresa: Multimetal Engenharia de Estruturas
Obra: Ginásio AECIM Tocantins

Categoria Obras de Pequeno Porte

Vencedor: Marcio José de Rezende Gonçalves
Empresa: Marcio Gonçalves Engenharia e Serviços
Obra: Condomínio Riviera Residences (Nova Lima – MG)



Eng. Márcio José de Rezende Gonçalves, entre Vinicius Rodrigues de Morais Junior (Gerente de Marketing Vergalhões e Corte e Dobra – Gerdau) - á esq. - e Marcos Monteiro (Vice-presidente da ABECE), recebe Prêmio



Menção honrosa: Gil Chinellato

Empresa: Gil Chinellato Projetos Estruturais
Obra: Auditório Alcina Dantas Feijão (São Caetano do Sul – SP)



Eng. Gil Chinellato (à dir.) recebe Prêmio das mãos de Eduardo Millen (diretor da ABECE)

ABECE - Associação Brasileira de Engenharia e Consultoria Estrutural
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1993, conj. 61 - São Paulo - SP - Fone: 11-3938-9400 - Fax: 11-3938-9407 - email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Produzido por www.arteinterativa.com.br